Amor e Fé

Hoje vim  falar de finais felizes, há mais ou menos dois anos escrevi aqui sobre ver o lado positivo, sempre extrair algo bom de uma situação difícil. Naquela época não entendia o motivo de estar passando por uma gravidez anembrionaria. O lado positivo foi saber que conseguia engravidar. Depois de tantos anos tentando,
Depois da tempestade, veio o arco íris, meu tão sonhado e esperado filho, Noah!
Deus sempre guarda algo de bom para nós, o final é sempre mais feliz do que o início, se não está bom é porque ainda chegará o grande momento.

Então, não desista, não desanime! Lute pelo que você quer, não fique estagnado dentro dos seus sentimentos de angústia e depressão! Escolha ver o lado positivo de cada situação, confie, acredite e sonhe alto! Bem alto!

Apenas creia! Quanta lágrima eu derramei, ninguém imaginava, pois sempre estive com um sorriso no rosto, não porque queria esconder mas porque não precisava me vitimizar, eu sofri demais, mas hoje eu vivo meu sonho, agora é real! Porque tanto tempo? Não tem outra explicação a não ser Deus, a não ser a mudança de pensamentos, sim, eu mudei totalmente meu mindset, eu escrevia que eu era fértil, que eu merecia ser mãe, e 7 meses depois da gravidez anembrionaria,eu engravidei do Noah. Mas não foram somente 7 meses à espera dele, foram anos, anos de muito choro, angústia a cada vez que não dava certo, vendo todo mundo engravidar e eu não. Não estive sozinha nessa jornada, meu marido esteve comigo, me carregando no colo, literalmente.

Hoje estou aqui pronta para falar sobre isso, pois a tempestade passou. Eu quero dizer pra todas as tentantes, que eu sei o quanto é difícil pra vocês, não deixem de verbalizar ou escrever,não guardem esse sofrimento, e o mais importante esqueçam palavras negativas, mudem, mudem o pensamento de vocês, escrevam todo dia que vocês merecem sim ser mães, que vocês são férteis, que vocês querem ser mães! Falem com o filho de vocês. Acreditem, principalmente em Deus!!Parece conversa de doido, né?! Mas foi isso que aconteceu comigo, eu não fiz tratamento, eu não entendia por que não engravidava, era difícil demais esperar. E quase 5 anos depois eu engravidei naturalmente. Tem coisas que não entendemos porque temos que enfrentar, apenas aceitar e confiar nos planos de Deus! E ele foi bom comigo, não tenho dúvida. Eu precisava passar por esse processo. Pois hoje no meu puerpério, que não é fácil, eu estou muito mais forte, estou amamentando, quando fico cansada ou com dor, eu lembro o quanto pedi por isso.

E é muito pior não conseguir engravidar ou ter uma gestação interrompida,acreditem. Meu filho é benção, é amor, é tudo que eu tanto esperei e pedi. Eu só posso agradecer! Meu tempo chegou, o seu vai chegar também. Acredite em milagres! Eu vivo um! Creia !

Amanda Vilela mãe do príncipe Noah!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *